Atenção: Google rebaixa milhares de sites não adaptados para celular

Google já começou a rebaixar milhares de sites incompatíveis com celulares e tablets.

google-mobilegoogle-mobile2

O Google divulgou nota dizendo que vai rebaixar o ranqueamento de site inaptos a ser visualizados em celulares e tablets.

Se a notícia tomar a devida proporção, vai agitar muito o mercado de desenvolvimento de sites, pois a grande massa dos sites das empresas não são responsivos – que se adaptam automaticamente às telas móveis- e muitos não possuem nem ao mesmo um site mobile.

A medida bate em cheio nas pequenas empresas, que não costumam dispor de orçamento para investir em sites profissionais, de qualidade superior e que atendem os exigentes algoritmos de ranqueamento do Google.

A medida torna a competição sobre SEO, otimização para buscas, ainda mais acirrada.

O que muitos não sabem é que pode não ser necessário partir do zero para tornar um site apto a se acomodar aos dispositivos móveis. Muitos sites, principalmente os que usam tecnologia WordPress podem receber uma camada de elementos de design que o tornam responsivo.

Não demoraria muito e o que se vê agora é que os sites responsivos, nossa especialidade, estão cada vez mais em alta.

Consulte a inMarket nós podemos avaliar o seu site e dar um diagnóstico preciso sobre a situação do seu perante o Google.

Websites compatíveis com dispositivos móveis

Ofereça a seus usuários uma experiência completa em dispositivos móveis.

google-mobile-inmarket

Veja como o site da inMarket já está preparado para abrir em diferentes telas (PC’s, Tablets e Smarfhones):

inmarket-mobile-google

Faça o teste de compatibilidade com dispositivos móveis no site do Google:
https://www.google.com/webmasters/tools/mobile-friendly/?hl=pt-BR&

Google rebaixa sites não adaptados para celular:

googlepb590

O mecanismo de buscas irá esconder as páginas que não tenham preparo para redes móveis; medida deverá prejudicar pequenas empresas.

O Google passa a ranquear se um site é compatível ou não com celulares e tablets. Caso não seja, a ferramenta de buscas retirará o endereço dentre as primeiras páginas da pesquisa, deixando o site mais longe.

A medida prejudica, principalmente, pequenas empresas que não possuem infraestrutura para criar sites adaptáveis às redes móveis.

Segundo um comunicado do Google, “conforme mais pessoas usam dispositivos móveis para acessar a internet, nossos algoritmos têm de se adaptar a essa camada de uso.” E complementa: “Agora, o Google vai priorizar páginas de serviços que são bons para o meio que a pessoa está usando.”

Atualmente, os mecanismos de buscas usam como referência a disponibilidade do site, a relevância e o balanceamento entre o conteúdo buscado e o do site, evitando páginas que apenas repliquem conteúdo para se sobressair.

Uma mudança radical no algoritmo de pesquisas do Google. A gigante vai priorizar sites que têm design adaptado para aparelhos mobiles, smartphones, tablets.

Segundo a Google, sites com design pensado apenas para desktop, computadores, continuaram aparecendo nas buscas, mas eles serão rebaixados nas pesquisas.

Se você possui uma página na internet, é melhor correr para adaptar seu site a plataforma mobile, para evitar ser rebaixado.

Contrate uma avaliação do seu site

Fontes: estadao/limontec/

Deixe uma resposta